Você já ficou doente ou com dores em alguma parte do corpo logo após trabalhar muitas horas seguidas durante meses e talvez anos?

Você já bateu o carro logo após trabalhar quase 20 horas direto para fechar aquele relatório ou rodar aquele processamento ou bater a cota do campo ou terminar aquela codi ou transcrição ou fazer aquela tradução que veio para fechar no fds?

Você já foi demitido logo após você ter conseguido estruturar uma área, ultrapassar a meta?

Você já aceitou pegar um job sem nem ter lido o briefing e depois se deu conta de que precisaria do dobro de horas?

Você já planejou sair da empresa mais de 10 vezes e cada hora algo acontece, alguma nova desculpa e você sente que tudo bem ficar desanimado todos os dias para trabalhar….todos estão assim.

Você já rascunhou as ideias que queria colocar no ar, mas não lançou porque teve medo do que seus pais, seus amigos, o cachorro da esquina achariam ou como seria julgado?

Você já se sentiu pressionado para bater uma meta, mas o medo de receber um não foi maior do que tentar fazer a primeira ligação?

Cara, quero dizer que estamos juntos! Esse medo está presente para todos e quero te falar que muitas vezes, é preciso dizer FODA-SE AO MEDO! Sabe por que? Porque pode ser que esta seja a única vida. Pode ser que ao chegar aos 80 anos você perceba que besteira de ter tido medo de levar um não de um cliente, de não tentar ter lançado algum curso que você achou animal, de pedir as contas e sair de pesquisa, de falar que não aceita mais trabalhar 20 horas / dia e que precisa de mais pessoas. Sabe por que batemos o carro depois de trabalhar tanto ou ficamos doentes? Porque nós deixamos! Não há desculpas! Não é a culpa do chefe, do colega, do cara que fez a parte dele do processo porcamente, do marido, da esposa, dos filhos, da banana que caiu no chão no meio da rua.

Então, responda com sinceridade para você se morresse amanhã, estaria tudo ok? Sentiria falta de ter feito algo? Se sim, vá atrás desse algo! Pára de dar desculpas porque há 20 anos tal  pessoa fez isso ou aconteceu isso com você! Ninguém quer saber porque no final das contas, importa o que te faz bem, o que te deixa feliz, importa se você aceita ou nega a sua vida a cada micromomento, a cada segundo, a cada hora, a cada dia, nesta vida!

No comments yet.

Leave a Reply